LogoLHP

Anticorpos Anti-Nucleares Hep-2

A GRANDE VANTAGEM DO HEP-2 É DETECTAR OS LUPUS FAN-NEGATIVOS PORQUE É MAIS SENSÍVEL

A pesquisa de anticorpos anti-nucleares - FAN- é o exame consagrado na triagem de doenças reumáticas e, em específico, do lupus eritematoso sistêmico - LES - fazendo parte dos Critérios Revisados de Classificação do LES da American Rheumatism Association. O método clássico atualmente utilizado para este fim é a imunofluorescência indireta, realizada em vários tipos de substratos, de sensibilidades diversas.

A inabilidade de detecção de anticorpos anti-SSA/Ro de alguns deles é responsável pela maioria dos chamados lupus FAN-negativos, que são 5 a 10% de todos os casos de lupus, principalmente o subtipo cutâneo subagudo. Além do LES, que apresenta anti-SSA/Ro em 35% dos casos, também na Síndrome de Sjögren encontra-se anti-SSA/Ro em até 70% dos casos.

Outros anticorpos só detectados em HEP-2 são: anti-centrômero (presente em 80% dos casos de esclerodermia tipo CREST), anti-PCNA (3% dos casos de LES).

Assim, a grande maioria destes lupus FAN-negativos é positiva quando se emprega substratos mais sensíveis como o HEP-2.