LogoLHP

Dosagem de Citrato Urinário

Metodologia: Enzimático

Novo Método: que se baseia na conversão do citrato a oxalacetato em presença de citrato-liase. Este método apresenta maior sensibilidade e reprodutibilidade em suas medidas. O método é baseado no trabalho de Holt, Cowley e Chalmers.

Uso Clínico:

Fatores que influenciam a excreção urinária de citratos:
Aumentando: alcalose, PTH, Vitamina D, Horrnônio do crescimento, estrógeno.
Diminuindo: acidose, hipocalemia, andrógeno, infecção do trato urinário, após exercício físico (acidose lática) e aumento na ingestão de sódio.

Interferentes:
Aumenta: corticóides, oxalatos, fosfatos, sulfatos, chumbo.
Diminui: acetazolamida, clortiazida, hidroclortiazida.

Orientações: Dieta habitual do paciente. A critério médico o paciente pode ingerir dieta pobre em cálcio.
Material: Urina de 24 horas colhida com 20 ml de ácido clorídrico a 50% por litro de urina.
Valor Ref.: 1,5 - 6,0 mmol/24h

Referência Bibliográfica:
Clinical Chemistry, vol. 31, no 5, 1985.